sexta-feira, 31 de dezembro de 2010

100 posts, 1840 Euviras

Queridos leitores,

Não podemos terminar o ano sem agradecer as 1840 visitas que tivemos em 2010. Euviras de vários lugares do mundo passaram por aqui, vejam só:

Brasil - 1.418
Estados Unidos - 297
Canadá - 37
Portugal - 27
Holanda - 12
Alemanha - 9
Reino Unido - 5
Japão - 4
Suécia - 4
Austrália - 3

Com este 100º post, convidamos vocês a continuarem visitando nossa cozinha em 2011.

Até lá!

Pavê de pêssego da Tiana

Esse período de Natal e Ano Novo é meio esquisito. Há os que adoram uma festa e se programam para aproveitar essas datas, e os que detestam e querem mais é enfiar a cabeça num buraco e sumir do mapa. Confesso que sou das primeiras. Passo o Natal com a minha família e meto o pé na estrada no Ano Novo. Costumo planejar a viagem com antecedência: casa de amigos, praia, campo, não importa. O que vale é estar perto de pessoas de quem você gosta e aproveitar esses deliciosos momentos de promessas para o ano que virá.

Neste ano, excepcionalmente, estou meio sem destino. Reforma em casa, uma pessoa querida no hospital, trabalho reiniciando no dia 5 e... Sampa, here I am! Já fazia tempo que não sentia como é delicioso andar pela cidade praticamente deserta e sem o menor sinal de trânsito.

E já que estamos aqui, vamos aproveitar essa comemoração de um novo ano com um pavê delicioso que minha mãe faz e é um hit.

Desejo um ótimo ano novo para todas as Euviras que nos leem aqui nesta cozinha e também para as minhas amigas que aqui blogam e se euviram em muitas todos os dias do ano. A todas vocês, ótimo 2011 com o pavê de pêssego da Dona Tiana!


Ingredientes
1 lata de pêssego em calda (reserve a calda e corte os pêssegos em pedacinhos pequenos)
2 pacotes de biscoito champagne
3 ovos (separe claras e gemas)
1 lata de creme de leite sem soro
1 lata de leite condensado
1/2 lata de leite de vaca
1 colher de sobremesa de maisena

Modo de fazer
Passe os biscoitos pela calda do pêssego para que amoleçam levemente. Reserve.

Faça um creme com as 3 gemas, o leite condensado, a maisena e o leite de vaca: dissolva a maisena no leite de vaca, junte o leite condensado e as gemas. Mexa até as gemas desmancharem e depois leve ao fogo. Mexa até o creme engrossar levemente. Reserve.

Arme o pavê num refratário, na seguinte ordem: biscoitos, creme, pêssegos. Vá alternando as camadas até terminarem os ingredientes.

Faça um 2º creme na batedeira. Bata as 3 claras em neve. Quando estiverem com uma consistência bem firme, vá adicionando aos poucos o creme de leite sem soro e bata por uns 5 minutos.

Despeje este 2º creme sobre o pavê e faça delicadamente furinhos com o garfo para que esse creme penetre até o fundo do pavê.

Leve à geladeira por umas 3 horas. Sirva gelado e se acabe com esta receita deliciosa da minha mãe.

quinta-feira, 23 de dezembro de 2010

Salpicão de peru

Receita refrescante e saborosa para qualquer época!
Muito fácil!
Feliz Natal!!!


Ingredientes
1 maço de erva doce
1 maço de salsão
400 gr de peito de peru defumado
uva passa sem caroço (a gosto)
1 colher de chá de mostarda
200 gr de nozes picadas
1 vidro de maionese

Modo de fazer
Picar em quadradrinhos a erva doce, o salsão, e o peito de peru. Temperar com mostarda, misturar as nozes picadas e a uva passa a gosto.
Adicionar a maionese aos poucos até que todos os ingredientes estejam bem temperados.
Enfeite e coloque na geladeira até a hora de servir!

quarta-feira, 22 de dezembro de 2010

Cookie

Fazer cookies com as crianças sempre foi um momento delicioso. Temos formas de dinossauros, Vila Sésamo, Disney, Natal. E ontem à noite minhas crianças (a mais nova tem 19 anos) ficaram horas fazendo os cookies para esse Natal. Bons momentos são para sempre, não importa a idade.

Ingredientes:
3/4 xícara de margarina amolecida, não derretida
1 xícara de açúcar
2 ovos
1 colher de chá de baunilha
2 1/2 xícaras de farinha de trigo
1 colher de chá de fermento
1 colher de chá de sal

Modo de fazer:
Amassar bem a margarina com o açúcar usando um garfo, até formar uma massa homogênea. Adicionar os ovos e a baunilha e misturar com o garfo. Numa tigela à parte, peneirar juntos a farinha, o fermento e o sal e acrescentar aos poucos à massa, sempre misturando com o garfo. Se a massa ficar muito dura, colocar farinha nas mãos e por a mão na massa! Quando estiver homogênea, coloque na geladeira por cerca de uma hora para esfriar.

Preaquecer o forno a 205C. As assadeiras onde vai colocar os cookies não devem ser untadas nem enfarinhadas.
Espalhar farinha sobre a superfície onde vai abrir a massa. Abrir um pouco de massa de cada vez, deixando-a com cerca de 4mm de espessura (a espessura vai depender do tipo de formas que você vai usar, se são vazadas ou se têm desenho dentro). Passar a forminha pela farinha e recortar a massa. Colocar os cookies na assadeira e levar ao forno por cerca de 8 minutos. Dependendo da grossura da massa, precisa ficar mais tempo. Quando começa a ficar douradinho na borda já está passando da hora!! Tirar do forno e deixar esfriar antes de guardar em um recipiente fechado.

Se quiser, pode usar corante de comida para decorar os cookies. Segue uma receita de cobertura:
225 g de açúcar de confeiteiro
2 colheres de sopa de água quente (pode substituir por suco de laranja ou limão ou dissolver uma colher de sopa de café solúvel na água quente)
Peneirar o açúcar de confeiteiro a adicionar o suco ou água para fazer uma cobertura grossa. Colorir como quiser, ou deixar branco mesmo.

domingo, 19 de dezembro de 2010

Brigadeiro da Dona Shirley

Não parece ter muito sentido dar uma receita de brigadeiro, mas este é especial. Quem me deu esta receita foi a Junia, mas ela é obra da Dona Shirley, querida ex-aluna e agora amiga de cervejinhas e feijoadas.

Ingredientes
2 latas de leite condensado
2 latas de leite de vaca
1 vidro pequeno de leite de coco
4 colheres de sopa de chocolate em pó (o "do padre", claro!)

Modo de fazer
Leve os ingredientes ao fogo e mexa, mexa, mexa.

O truque é desligar quando chega "ao ponto", que é o momento em que você consegue ver o fundo da panela. Esse ponto parece que não vai chegar nunca, pois tem muito líquido, mas ele chega e aí.... Faça e verá!

Panetone-musse

À primeira vista o nome pode até parecer estranho, mas depois que você fizer essa sobremesa de Natal pela primeira vez, não escapará mais e terá de fazê-la todo ano.

Quem me deu esta receita foi o meu querido e saudoso amigo Aloísio Acaiaba quando trabalhávamos juntos, e ele era "obrigado" a fazê-la todo ano.


Ingredientes
1 panetone de 750 gr
1 lata de creme de leite
1/2 lata de leite condensado
suco de 1/2 limão

Modo de fazer
Corte a tampa do panetone. Reserve. Retire o miolo, deixando uma borda nas laterais e no fundo de 1 cm aproximadamente. Leve esse miolo ao liquidificador e acrescente o creme de leite e o leite condensado. Se quiser mais doce, ponha um pouco mais de 1/2 lata de leite condensado, mas acho exagero. Coloque aos poucos o suco de limão, até que endureça e fique com consistência de mousse.

Montagem
Recheie o panetone com essa musse, corte a borda que sobrar, para que o recheio chegue até o topo. Eu costumo cortar 1 cm mais ou menos dessa borda superior e bater no liquidificador junto com o restante para ficar mais consistente.
Coloque a tampa e leve à geladeira de um dia para o outro, ou ao congelador por algumas horas antes de servir.

Sirva fatiado.

Obs.: Nunca faço com chocotone, pois acho doce demais, mas os amantes de chocolate costumam gostar.

quarta-feira, 15 de dezembro de 2010

Farofa de amêndoas

Esta farofa com mousse de chocolate e chantilly fica divina!! Pode ser usada com outro doce também. Seja criativa!!

Ingredientes
1 xícara de chá de acúçar
100 gr. de amêndoas sem pele e torradas
1 colher de sopa bem cheia de leite em pó Ninho

Modo de fazer

Mergulhar a amêndoa na água fervendo para tirar a pele. Retirar e depois levar ao forno.
Colocar o açúcar na panela, levar ao fogo e mexer sempre até ficar cor de caramelo. Juntar as amêndoas, mexer bem, retirar e despejar sobre o mármore untado com manteiga. Quando esfriar o caramelo, cortar em pedaços e passar no liquidificador para picar, deixando alguns pedaços de amêndoas. Pode-se usar máquina de moer carne, com a peça de 3 dentes.
Divida a farofa e misture metade na mousse e a outra parte misture com o leite em pó.

Fica uma delícia!!!!

terça-feira, 14 de dezembro de 2010

Torta de nozes pecan

Ingredientes:
1 receita de massa de torta (pode ser massa para torta Arosa)
4 ovos
3/4 de xícara de açúcar
1/2 colher de chá de sal
1 1/2 xícaras de melado de milho (são quase 2 frascos)
1 colher de sopa de margarina, derretida
1 colher de sopa de baunilha
1 xícara de nozes pecan abertas no meio

Modo de fazer:
Forrar a forma de torta com a massa.
Preaquecer o forno a 200°C.
Bater os ovos e adicionar açúcar, sal, melado de milho, margarina derretida e esfriada, baunilha. Misturar até ficar homogêneo.
Colocar as nozes pecan no fundo da forma, sobre a massa de torta. Acrescentar o recheio. As nozes vão subir, arrume-as para não ficarem uma em cima da outra. Colocar no forno e diminuir a temperatura para 180°C. Assar por cerca de 40, 50 minutos, ou até o recheio ficar firme. Deixar esfriar e colocar na geladeira.

Como vocês podem imaginar, essa torta é bem doce, mas mesmo assim é uma delícia. Prepare de véspera, fica mais gostoso. Já tentei fazer com nozes normais, que são mais amargas, mas não foi aprovado aqui em casa.

segunda-feira, 13 de dezembro de 2010

Torta de cebola

Ingredientes:
6 cebolas médias
1 lata de creme de leite sem soro
2 colheres de sopa de margarina
1 ovo
1/2 pacote de queijo ralado
sal, pimenta do reino e noz moscada
1 pacote de massa folhada laminada (Arosa)

Modo de fazer:
Pique as cebolas e refogue com a margarina. Quando começarem a murchar, acrescente o creme de leite e os temperos. Acrescente o ovo fora do fogo, misture bem e volte para o fogo mexendo sempre. A mistura deve engrossar, ficando cremosa; caso você ache necessário, acrescente uma colher rasa de farinha de trigo. Apague o fogo e misture o queijo. Abra a massa, coloque na forma deixando uma beirada de mais ou menos 2 dedos, coloque o recheio e faça uma graça com o resto da massa, cruzando tirinhas de massa sobre o recheio. Leve ao forno e deixe dourar. Caso você tenha um restinho de gorgonzola pode misturar no recheio que fica uma delícia!

quinta-feira, 9 de dezembro de 2010

Tender para o Natal

Esta receita eu faço desde 1975, não falhei nenhum ano!
E sempre obtive sucesso!
Espero que gostem porque é muito fácil de fazer!!!

1ª etapa

Ingredientes:

1 tender tenro Sadia semi-dessossado de 4 quilos

Mingau
200 gr. de farinha de trigo
1 latinha de cerveja branca

Modo de fazer:
Desembrulhe o tender, coloque na assadeira.
Misture a cerveja com a farinha de trigo, formando um mingau na consistência de leite condensado, passar em todo o tender e colocar no forno.
O tempo de cozimento será de acordo com o peso, para cada quilo de tender, meia hora de forno. Sendo o tender de 4 quilos, metade do tempo ele cozinhará com o mingau.
Retirar do forno e limpá-lo da crosta de farinha e retirar toda a gordura.
Colocar em outra assadeira.

2ª etapa

Ingredientes

1 lata de abacaxi em calda
1 vidro de KARO
1 copo de óleo
cravos
1 pêssego em calda
1 vidro de cerejas ao marasquino
uva itália para enfeitar

Modo de fazer

Estando o tender em uma assadeira limpa, riscá-lo na parte de cima, em forma quadriculada e no encontro das linhas colocar um cravo.
Misturar a calda do abacaxi, o Karo e o óleo e besuntar o tender com essa calda grossa. Colocar no forno por mais uma hora e regá-lo de vez em quando. Quando estiver dourado, vire.

Montagem:

Com o tender frio.
Fatiar o tender até encontrar o osso, pode fatiar inteiro, se tiver faca elétrica é bem fácil.
Depois de fatiá-lo, remonte em cima do osso em um travessa grande.

Calda espelhada

Duas horas antes da ceia, preparar a montagem:
Faça uma calda espelhada com 2 copos de açúcar, 1 copo de água e 1 colher de chá de vinagre.
Coloque tudo na panela, misture bem e deixe ferver sem MEXER até que fique cor de chá.
Derrame a calda em cima do tender e se quiser mergulhe alguns galhos de uva na calda e enfeite o tender.
Cuidado porque a calda é muito quente e esfria rápido.
Enfeite com o abacaxi, com o pessêgo e com as cerejas.
Está pronto!

BOM NATAL e FELIZ 2011

terça-feira, 7 de dezembro de 2010

Waffles

É preciso ter a forma de fazer waffles, mas, com Natal chegando, quem sabe não é um presente para quem já tem de quase tudo? Essa receita é ótima, é das poucas coisas que meu marido é encarregado de fazer. E sempre dá certo!!

Ingredientes:
3 xícaras de farinha de trigo
4 colheres de chá de fermento em pó
1 colher de chá de sal
1 colher de chá de açúcar
2/3 de xícara de margarina (derreter e deixar esfriar)
4 ovos
2 xícaras de leite

Modo de fazer:
Separar as claras e bater na batedeira até ficar em ponto de neve. Reservar.
Bater as gemas na batedeira. Acrescentar o leite, bater mais um pouco e acrescentar os ingredientes secos peneirados. Acrescentar a margarina derretida e esfriada e bater até a massa ficar bem homogênea. Acrescentar as claras em neve e misturar com a colher. Assar na forma de waffles, pré-aquecida.

Waffles é bom puro, com manteiga, com geleia, com mel, com queijo e presunto, requeijão... Pode ser congelado e colocado na torradeira para ser consumido quando tiver vontade!!

segunda-feira, 6 de dezembro de 2010

Natal com bacalhau

Não é todo mundo que comemora o Natal com bacalhau, mas quem nasceu no Rio de Janeiro, ou já viveu lá (como eu), ou, ainda, conviveu com "pssoas d'além Tejo" certamente sabe do que estou falando. Na minha casa, por exemplo, há de ter ao menos bolinhos de bacalhau antecedendo a ceia, ou não é Natal!

Há tempos recebi por e-mail um livro português com as "100 melhores receitas para bacalhau" e hoje, dando uma busca, encontrei esse arquivo disponível na internet.

Você pode tentar baixá-lo em:
"100 melhores receitas para bacalhau"

Caso não consiga, envie um e-mail para nós (euviranacozinha@gmail.com) que te enviaremos o arquivo em Word.

(Fonte da imagem: http://www.cafeportugal.net)

Torta de legumes

Esta receita eu recebi por e-mail naquele intercâmbio de receitas de que falei quando publiquei o quibe de atum. Geralmente faço com abobrinhas, mas você pode substitui-las por outro legume de que goste mais. É leve, fácil de fazer e deliciosa.

Ingredientes
1 abobrinha grande ralada com casca
2 ovos
1 xícara de leite
1 colher (sopa) de óleo
6 colheres cheias de farinha
1 colher de queijo ralado
1 colher de fermento em pó
1 cebola picada
2 tomates picados
salsinha e cebolinha picadas
sal, pimenta e orégano a gosto

Modo de preparo
Misture todos os ingredientes, exceto o queijo. Reserve para polvilhar. Despeje em um refratário untado e polvilhado com farinha. Polvilhe o queijo e leve ao forno até dourar.

quinta-feira, 2 de dezembro de 2010

Berinjela Italiana

Esta receita me foi dada por uma senhora italiana e faz muito sucesso na minha família.Dá um certo trabalho mas vale a pena!
Coloque em um vidro limpo e esterilizado e guarde na geladeira. A receita dela não tem quantidades, então estou calculando pela média que costumo fazer, qualquer mudança pode ser feita conforme o paladar de cada um.
É ótima para comer com diversos pães inclusive o pão italiano!!

Ingredientes
3 berinjelas
1 colher de chá de sal
1 copo de vinagre
3 cebolas médias
2 pimentões verdes
300g de azeitona verde
orégano
folha de louro
1 lata de 500ml de azeite

Modo de fazer
Cortar a berinjela em tiras fininhas sem casca.
Deixar com sal e vinagre imprensado com peso por + ou - 12 horas.
Coloque em uma tigela funda.
Espremer bem para tirar a água e o vinagre que formar.
Picar bem pequeno a cebola, pimentão, azeitona e misturar tudo.
Temperar com louro,orégano e azeite à vontade.
Coloque em um vidro grande com tampa ou um recipiente com tampa e deixe descansando por uns 2 dias para tomar gosto!
Bom apetite !!

terça-feira, 30 de novembro de 2010

Bolo de Laranja

Ingredientes
1 1/2 xícara de açúcar
2 xícaras de farinha de trigo
1 colher de sopa de fermento em pó
4 ovos
2 xícaras de suco de laranja
1 colher de café de sal

Modo de fazer
Peneirar juntos a farinha, o fermento e o sal.
Bater bem as gemas com uma xícara de açúcar. Adicionar a farinha e uma xícara de suco, misturando bem. Adicionar por último as claras batidas em neve.
Assar em forma untada.
Depois de pronto, ainda quente, fazer furos no bolo, com um garfo ou palito de dente (prefiro esse porque fica mais fundo), e despejar por cima uma xícara de suco de laranja com 1/2 xícara de açúcar.
Desenformar depois de frio.

sábado, 27 de novembro de 2010

Frango com maçã

Receita mais simples do que essa é impossível.
Gosto de contar as circunstâncias em que a receita foi criada. Era um dia que a geladeira estava quase vazia e a preguiça era grande, só uma Euvira de verdade sabe como é isso.
Eu tinha que fazer alguma coisa pra comer, e contava com arroz e uma bandeja com coxas de frango: é difícil criar nessa situação.
Aí eu temperei as coxas, normalmente (eu faço um tempero batido no liquidificador e coloco em vidro na geladeira, quebra o maior galho e é bem gostoso), e botei pra refogar bem na panela de pressão. Antes de fechar a panela para dar aquela cozidinha, ainda voltei à geladeira pra ver se não havia me escapado nada: não havia nem uma batatinha, nenhuma cenoura, vagens, nada. Difícil. Dei uma olhada na fruteira, e peguei duas maçãs, cortei em quatro, tirei as sementes e coloquei pra última refogada com casca e tudo. Botei um pouquinho de água e fechei a panela. Esperei dar o sinal de pressão e desliguei.
Ficou muito gostoso! O frango ficou bem delicado e as maçãs ficaram quase inteiras. Sobrou também um molhinho espetacular...
Em outras ocasiões, eu variei, aumentando a quantidade de cebola, ou alho, salsinha ou mesmo louro. Para o meu paladar, a receita original é a que ficou melhor; as maçãs são muito delicadas e ficam mais saborosas se não pegarem demais os aromas dos outros temperos. Tentei também tirar a casca das maçãs, mas elas se dissolvem e não fica tão bom.
Deu pra entender né Euvira?

4 coxas de frango
2 maçãs
1 colher de sopa de ‘tempero caseiro’ ou ‘tempero da vovó’
1 fio de azeite (aprox. duas colheres de sopa)
Tempere as coxas de frango, deixe uns 15 minutos e coloque para refogar em panela de pressão (se for com anti-aderente(*), melhor). Acrescente as maçãs cortadas em 4 sem semente no final do refogado, mexendo com cuidado para que as maçãs peguem o tempero e sem deixá-las quebrar. Feche a panela e aguarde até o sinal da pressão. Desligue e espere terminar o sinal. Tire da panela com cuidado, com uma escumadeira ou colher de pau.
Sirva com arroz e harmonize com uma taça de cabernet-sauvignon.


(*) como se escreve 'anti-aderente', agora?

sexta-feira, 26 de novembro de 2010

Cuscuz Paulista

Para um lanche ou uma refeição de verão vai muito bem!!!

Ingredientes

1/2 xícara (chá) de óleo
2 cebolas picadas
3 dentes de alho amassados
5 tomates picados (sem pele e sem sementes)
1/2 litro de água
200 gr de camarão 7 barbas (fresco e limpo)
2 latas de sardinhas em conservas
1 lata de ervilha
1 vidro (pequeno)de palmito picado (reserve rodelas para enfeitar)
1/2 xícara de (chá) de azeitonas picadas
1/2 colher de (sopa)salsa desidratada ou fresca
3 ovos cozidos picados (reserve rodelas para enfeitar)
3 xícaras de (chá) de farinha de milho amarela
molho de pimenta a gosto
sal a gosto


Modo de preparo

Em uma panela, doure as cebolas e o alho no óleo. Adicione os tomates até amolecerem e junte 1/2 litro de água fervente,os camarões e o sal.
Cozinhe por cerca de 3 minutos. Acrescente a sardinha, a ervilha, o palmito, as azeitonas, a salsa, os ovos e o molho de pimenta a gosto. Verifique o sal.
Ao ferver,coloque aos poucos a farinha de milho e mexa bem até que todos os ingredientes se misturem. Retire do fogo. Em uma forma de pudim, coloque as rodelas de ovos e palmito para enfeitar, em seguida despeje a mistura, apertando bem.
Retire da forma após 10-15 minutos e sirva quente ou frio.

Bem fácil e rápida!
Bom Apetite!!!

quinta-feira, 25 de novembro de 2010

Doce de abóbora fácil

1 kg de abóbora
500 g de açúcar
4 cravos
2 pedaços de canela

Coloque tudo na panela de pressão, quando começar a pressão, conte 5 minutos e desligue. Abra e deixe esfriar. Se quiser nessa hora coloque coco ralado misture e pronto. É fácil e fica muito bom.

sábado, 20 de novembro de 2010

Pão de ló de laranja

Quem me deu esta receita foi minha prima Sabrina, quando tinha uns 8 anos de idade. Ela herdou da mãe, a saudosa italiana Lucia, os super dotes culinários e desde pequenininha já se euvirava na cozinha.
Adoro bolo de laranja e este, em especial, é super fofinho e uma delícia!


Ingredientes
5 ovos
2 1/2 xícaras de açúcar
3 xícaras de farinha de trigo
1 copo de suco de laranja
1 colher de sopa de fermento

Modo de fazer
Bata as claras em neve; junte as gemas; aos poucos acrescente o suco de laranja, batendo sempre, até crescer. Adicione o açúcar, a farinha e o fermento. Leve ao forno médio preaquecido.
Dica: se usar farinha com fermento, NÃO coloque mais fermento, pois ele crescerá demais e não caberá na forma.

Calda de laranja(opcional)
Você pode fazer uma deliciosa uma calda, com 1/2 copo de suco de laranja e 4 colheres de sopa de açúcar. Leve ao fogo e deixe ferver por alguns minutos. Fure o bolo com um garfo, molhe com a calda de laranja e depois polvilhe um pouquinho de açúcar por cima. Hummmm.... dá água na boca!

Empada 2 pingos (ou Falsa empada)

Uma tarde preguiçosa? Ou visitas inesperadas? Essas empadas são rápidas, práticas e muito saborosas.
Ingredientes
3 ovos
1 xícara (chá) de leite
1 xícara (chá) de óleo
2 xícaras (chá) de farinha de trigo
1 colher (chá) de sal
3 colheres (sopa) de queijo parmesão ralado
1 colher (sopa) de fermento em pó
Modo de fazer
Prepare um recheio para empada, a seu gosto (veja Dicas, abaixo). Reserve.
Bata bem no liquidificador todos os ingredientes, até obter uma massa homogênea e sem grumos.
Pingue uma colher (chá) mais ou menos, no fundo de forminhas de empada. Ponha 0 recheio e cubra com mais um pingo de massa, de maneira a encobrir todo esse recheio e, inclusive, escorrer um pouco pelas laterais, "fechando" a empada..
Leve ao forno médio, preaquecido, até dourar. Sirva quente.
Dicas
1) os recheios podem ser de queijo fresco picado com orégano (com ou sem tomate); palmito refogado com tempero, num leve creme de maisena; frango desfiado com catupiry ou creme de maisena; carne seca desfiada com requeijão; escarola refogada com tomate e bacon; ricota temperada etc etc.
2) dependendo do tamanho da forminha, use mais do que 1 colher de chá, para o pingo de base.

quinta-feira, 18 de novembro de 2010

Mousse de Gorgonzola

Receita refrescante, ótima para comer com saladas no verão que vem aí!

Ingredientes

280 ml creme de leite (pode ser de lata ou fresco)
250 ml de maionese
250 gramas de queijo gorgonzola
molho inglês a gosto
pimenta do reino
4 colheres de sopa de gelatina incolor (pode ser dois envelopes da gelatina royal)
350 ml de água fria

Modo de fazer
Coloque a gelatina nos 350 ml de água fria e deixe por 5 minutos.Bata no liquidificador o creme de leite, a maionese, o queijo, o molho inglês e a pimenta.
Leve a gelatina ao fogo brando e deixe esquentar sem ferver. Junte-a à mistura do liquidificador e bata por 30 segundos tudo junto.
Unte uma forma de alumínio com azeite, despeje a mousse e leve à geladeira por cerca
de 4 horas.
Está pronto , bom apetite!!!

quarta-feira, 17 de novembro de 2010

Caponata de berinjela da Maria

Esta vai pra Merc!
Quem me deu esta receita foi a Maria das Mercês, e ela faz um sucesso danado em festas, almoços e com bebidinhas diversas.
Sim, dá pra um batalhão.... Adapte a quantidade de acordo com sua necessidade, ou congele pequenas porções e tenha pronta sempre que quiser.


Ingredientes
4 berinjelas grandes
4 pimentões verdes
4 pimentões vermelhos
4 cebolas
4 pimentas "sininho" (cambuci)
4 pimentas verdes (as longas)
4 pimentas dedo de moça
1 copo de azeite
1 copo de vinagre
1 pacote de uvas passas pretas sem caroço
sal, orégano
Também costumo colocar uva passa branca, azeitona sem caroço e, quando tenho, adiciono castanha do pará.

Modo de fazer
Corte todos os ingredientes em tiras finas e curtas. Coloque-os numa forma grande, organizando-os em camadas. Por fim, acrescente o azeite e o vinagre e leve ao forno. Mexa somente depois de 15 minutos e, de novo, a cada 15 minutos. Fica no forno por cerca de 1h e é uma delícia!

terça-feira, 16 de novembro de 2010

Nhoque de ricota

Ingredientes
1kg de ricota
300g de farinha de trigo
3 gemas
sal a gosto
100g de queijo parmesão ralado

Modo de fazer
Desmanchar a ricota com um pouco de água, colocar as 3 gemas e adicionar a farinha, as 100g de queijo e o sal aos poucos. Misturar bem.

Fazer bolinhas como de um nhoque de batatas. Cozinhar em água com sal. Cobrir com molho de sua preferência.

segunda-feira, 15 de novembro de 2010

Quibe de atum

A pedidos!!
Recebi esta receita num intercâmbio muito legal de receitas por e-mail. Não me lembro quem enviou, mas deixo aqui meu agradecimento, pois é ótima e fácil! Acho que o tal intercâmbio não deu muito certo, pois só recebi umas 3 receitas. De todo modo, esta vai pra Maria Ângela, pra quem já estou devendo há uns 2 anos!!


Ingredientes
2 xícaras de trigo para quibe
2 latas de atum ralado
2 cenouras raladas
2 cebolas médias raladas
1 maço de salsinha e cebolinha bem picadinhas
sal a gosto
azeite a gosto

Modo de fazer
Deixe o trigo de molho em água de um dia para o outro. Esprema bem e reserve.
Em uma panela, refogue a cebola no azeite até ficar transparente, junte a cenoura e o atum e refogue ligeiramente. Apague o fogo, junte o trigo, a salsinha e a cebolinha e o sal. Misture bem e leve ao forno em forma untada com azeite. Faça cortes diagonais na superfície da massa formando losangos antes de levar ao forno.
Estará no ponto quando espetar um palito e ele sair seco, mas pelo cheiro também dá para saber que está no ponto.

Delícia!

Casquinha de siri

Ingredientes
600 gr. de carne de siri
2 colheres de sopa de óleo
2 colheres de sopa de azeite de dendê
1 caixinha de creme de leite
1 cebola média
3 dentes de alho médios
salsinha, cebolinha, sal, pimenta do reino moída, molho de pimenta e queijo parmesão ralado

Modo de fazer
Pique a cebola bem miudinha e refogue no óleo, acrescente o alho espremido. Quando estiver douradom ponha a carne de siri e deixe refogar por uns 15 minutos; acrescente o azeite de dendê e os demais temperos. Deixe refogando até que comece a evaporar o caldo que se formou para daí colocar o creme de leite. Caso você ache que está pouco cremosa, pode pôr um pouco de leite comum ou leite de coco, à vontade do freguês. Se estiver uma massa muito rala, ponha uma colher bem rasa de farinha de trigo para que forme uma massa consistente, mas leve. Coloque em conchas de vieira (à venda nos bons supermercados e peixarias de São Paulo, é claro, porque aqui....), caso não queira usar as conchas, coloque em forminhas refratárias ou de empadas(sendo estas últimas só quando não tiver visitas) coloque o queijo parmesão por cima de cada uma das casquinhas e leve ao forno para gratinar. Aqui em Manaus não tem siri, só caranguejo, caríssimo, por isso temos feito com carne de peixe moída, damos preferência a peixe de carne com sabor bem acentuado.

Pudim de mamão da dona Mercedes

Falando em mães e avós, nesses últimos dias, lembrei um pudim que minha mãe (dona Mercedes, infindável saudade...) fazia sempre e que faço ainda, também: saudável (quase que só a fruta), fácil e barato. Jeito de sobremesa de família antiga, sem firulas nem modernidades...
Ingredientes
1 mamão Formosa (cerca de 1kg), bem maduro.
1 e 1/2 (ou 2) xícaras (chá) de açúcar
1 colher (sobremesa) de cravos-da-índia
4 ovos
3/4 de xícara (chá) de maisena
1 colher (sopa) de manteiga ou margarina
Modo de fazer
Leve uma panela ao fogo baixo, com o mamão cortado em pedaços. Acrescente o açúcar e os cravos, mexendo sempre, para desmanchar bem a fruta. Depois de cozido, pode passar por uma peneira, se quiser uma massa mais homogênea (mas deixar alguns pedaços mais inteiros também é muito saboroso e bonito). Reserve.
Bata os ovos, acrescente-os ao mamão ainda morno e mexa bem. Acrescente a maisena aos poucos, mexendo bem, para não formar grumos. Acrescente a manteiga e misture bem.
Acerte o açúcar. Se preferir, retire os cravos usados no cozimento.
Faça uma calda de caramelo e unte com ela uma forma com buraco no meio. Despeje a massa e asse em forno médio, por cerca de 45 minutos.
Dicas:
1) A calda fica muito saborosa, se cozinhar nela damascos secos. Com cerejas também fica saborosa e bonita. Mas cuidado com o excesso de adoçado.
2) Gosto desse pudim sem calda alguma também (com cara de pudim despretensioso, de cada dia)
3) É possível diminuirem-se bem as calorias, usando adoçante de forno-e-fogão, no lugar do açúcar.

domingo, 14 de novembro de 2010

Salada Verde e Roxa

Domingo é "dia de cachimbo", de sair da cozinha e ir almoçar no restaurante, encontrar a família, os amigos. Mas a gente sabe que nem sempre dá pra fazer isso, e pra não perder o clima de comer algo diferente e saboroso (além de fácil), deixo aqui esta receita de uma salada pra lá de deliciosa.

Ingredientes
Folhas variadas, verdes e roxas: vários tipos e tons de alface (inclusive a roxa, que é deliciosa), rúcula, agrião, endívia... Use apenas folhas.

Molho
1 xícara de queijo Cottage
4 colheres de sopa de suco de maracujá
2 colheres de azeite
hortelã picada

Modo de fazer
Bata os ingredientes (exceto a hortelã) no liquidificador e, depois de pronto, misture as folhas de hortelã picadas. Reserve.
Lave bem as folhas verdes e roxas e seque-as num secador de verduras, para que fiquem mais tempo crocantes. Rasgue-as de modo disforme e arranje-as numa bonita saladeira.
Regue com o molho na hora de servir e enfeite com sementes de maracujá.

Rápida e deliciosa.

sábado, 13 de novembro de 2010

Penne com berinjela e ricota

Filhas de Deus! Povos e povas desse mundão que eu amo!
Depois de muitos convites, combinações e furos, conseguimos fazer uma pequena reunião e matar um pouco da saudade dessas Euviras queridas. O acaso resolveu dar uma mãozinha: essa sexta feira estava tranquila e eu queria um pretexto para fazer, mais uma vez, a receita “premiada” de macarrão com berinjela que me mandaram no Intercâmbio de Receitas. Aí a Mercedes apareceu nos emails e terminamos combinando.
Vocês sabem. Não é chato fazer comida só pra si e nem dá preguiça, é que não dá motivação. Vocês acham que eu abro uma garrafa de vinho pra tomar todinha, só eu? É claro que (sim) não, né? No caso do vinho, a companhia pelo menos serve para a gente dividir a culpa.
Mas voltando ao macarrão. Na quinta feira à noite eu vou procurar a receita (sim, eu sou organizada) e percebo com apreensão que a dita cuja não estava onde eu pensei que estivesse (é, pelo menos eu acho que sou organizada). Aí montei uma operação de guerra e mandei uns 20 emails, pedindo a receita pra quem eu me lembrava de ter enviado. É claro que ninguém guardou a receita, e por sorte acabei achando a preciosidade em outro computador.
Assim, para evitar que se perca irremediavelmente, vou postar a receita. É muito simples, barata e pode ser opção para refeição com um único prato!
Ah, e não vai carne!


Ingredientes: (quantidades para seis pessoas)
1 pacote e um quarto de macarrão penne (sugestão – use o tricolor)
1 berinjela grande
1 ricota fresca
½ xícara de uva passa branca e ½ xícara de uva passa preta
1 xícara de azeitonas sem caroço
1 xícara de azeite de oliva
6 tomates pelados e picados em cubinhos não muito pequenos, 1 cebola picada, 3 a 4 alhos picados
1 xícara de caldo de carne
2 taças de vinho branco
manjericão
parmesão em lascas

Modo de fazer

1. Junte as uvas passas em uma panela e adicione uma taça de vinho. Deixe ferver até quase secar. Em um pirex fundo, coloque a berinjela cortada em cubinhos (eu descasco mas deixo umas tiras da casca porque fica bem bonitinho e o sabor é legal), a ricota esfarelada, as uvas passas com o fundinho de vinho, metade do azeite e metade do caldo de carne. Prove o sal. Misture bem e leve ao forno por uns 15 minutos, ou até a berinjela murchar e o caldo quase sumir.
2. É hora de ligar o fogo para a água do macarrão. Enquanto isso, junte em uma panela em fogo alto a outra metade do azeite, o alho e a cebola, nessa ordem; adicione os tomates e as azeitonas e refogue. Junte a outra taça de vinho, o restante do caldo de carne, prove o sal e deixe ferver até quase secar. Isso não demora mais de 4 minutos: o tomate ainda tem que ficar em pedaços.
3. O macarrão já está cozido? Ótimo. Escorra e coloque na fôrma pirex que estava no forno, junto com o molho de tomates. Misture delicadamente, decore com folhinhas de manjericão e as lascas do parmesão. A receita original leva oregano, mas não sei por que acho que ficou melhor sem. Pode ser levado de novo ao forno para dar aquela gratinadinha final.

Eu adorei, e espero que gostem!
Até a próxima!


PS: Sandra, você está INTIMADA a postar a receita daquela musse de chocolate. Que coisa divina é aquela, meu Deus??

quinta-feira, 11 de novembro de 2010

Macarrão de verão

Receita prática, fácil e gostosa!

Ingredientes

1 pacote de talharim
1 lata de creme de leite
1 lata de ervilha
1 colher de sopa rasa de margarina
300 gr de presunto cozido ou peito de peru
Queijo parmesão ralado

Modo de fazer

Cozinhe o macarrão "al dente" apenas com sal.
Pique o presunto ou peru em quadradinhos finos.
Derreta a margarina e passe o macarrão por ela.
Coloque o macarrão em uma travessa grande, misture o presunto, a ervilha e o creme de leite.
Salpique o queijo parmesão ralado.
Está pronto!!

Dica: Faça com um macarrão tricolor que fica uma delícia também!

quarta-feira, 10 de novembro de 2010

Patê de fígado de frango

Esta receita é do meu querido amigo Nilton, e além de ser ecologicamente correta, deixa qualquer foie gras no chinelo.

Ingredientes
1 kg de fígado de frango limpo e cortado bem miudinho
1 lata de creme de leite sem soro
1/2 tablete de manteiga
alho, cebola, sal, pimenta do reino

Modo de fazer
Refogue o alho e a cebola até ficarem perfumados. Não deixe que escureçam.
Acrescente o fígado e doure-o até secar bem. Junte a pimenta do reino e o sal (a gosto). Deixe esfriar.
Unte uma forma de pão, deixando 0,2 cm de azeite no fundo. Coloque no freezer para o azeite endurecer.
Bata o fígado refogado e frio no liquidificador com o creme de leite e a manteiga, até que forme uma pasta bem consistente e homogênea.
Coloque na forma (já com o azeite endurecido) e leve à geladeira.

Para servir, desenforme e cubra com uma boa geleia de framboesa. Sirva gelado.

Nossa...

segunda-feira, 8 de novembro de 2010

Frango bêbado

Ingredientes
2 peitos de frango com osso

4 coxas

4 sobrecoxas

2 cenouras gdes.

4 batatas

2 cebolas

8 fatias de bacon

1 lata de cerveja

sal, alho, molho inglês, mostarda, pimenta do reino, molho de soja, salsinha e cebolinha


Modo de fazer
Corte cada um dos peitos em 4 pedaços, lave bem todos os pedaços de frango, tire a pele e a gordura, coloque em um recipiente e tempere com todos os temperos, reserve. Descasque as cenouras, corte ao meio e depois cada uma das metades longitudinalmente. Descasque as cebolas e as batatas e depois corte-as longitudinalmente em no mínimo 4 pedaços. Dê uma fervura somente nas batatas e cenouras, deixand0-as semi-cozidas. Em um refratário arrume os pedaços de frango, espalhe os legumes, inclusive a cebola crua e jogue o molho do frango por cima. Cubra com metade da lata de cerveja e leve ao forno. Quando o líquido tiver reduzido pela metade, coloque o restante da cerveja e cubra com as fatias de bacon. O prato estará pronto quando o frango estiver bem dourado e o bacon crocante.

É um prato prático pois vc pode deixar montado no sábado e no domingo, que é o dia da preguiça, é só por no forno, fazer uma saladinha, um arroz e o almoço está pronto para receber toda a família, já que vc terá 16 pedaços de frango!! Caso a família seja muito exigente, dá ainda para fazer uma farofinha que combina bem.

domingo, 7 de novembro de 2010

Pão de queijo da Maria

Esta receita de pão de queijo vem de Minas, da querida Maria das Mercês.

Ingredientes:
2 copos de polvilho doce
3 ovos
1 copo de leite
1 copo de óleo
2 copos de queijo ralado.

Modo de fazer:
Despeje o leite fervendo no polvilho para escaldar. Mexa delicadamente, até igualar a massa. Espere esfriar um pouco e acrescente os outros ingredientes. Misture.
Coloque, por fim, os ovos (um a um) e mexa até dar o ponto (maleável e uniforme, sem grudar nas mãos).
Faça bolinhas e arrume-as numa forma, deixando algum espaço entre elas para crescer. Leve ao forno preaquecido por cerca de 20 minutos, ou até dourar.

Coma saboreando um bom chá de erva-doce.

Dica: se for possível, em vez de usar um queijo ralado de saquinho, compre um bom pedaço de queijo parmesão e rale no ralo mais grosso. Você também pode optar por um queijo mineiro meia cura. Aí não tem pra ninguém!!

Panqueca de espinafre com ricota

Faça as panquecas conforme a receita
"Massa básica de panquecas"

Recheio:
1 maço de espinafre
1 pacote de ricota fresca
1 cebola grande picada
alho
sal

Lave bem o espinafre e refogue com bastante cebola e alho. Depois de bem murcho, coloque o refogado sobre uma tábua e corte bem pequeno com uma mezza luna. Reserve.
Amasse bem a ricota para que ela fique soltinha. Misture ao espinafre refogado. Use o caldinho que sobrou na panela do refogado para dar um pouco de liga ao recheio.

Monte as panquecas e coloque o molho de sua preferência. Polvilhe queijo ralado. Leve ao microondas por 2 minutos e pronto!

Dica: Congele o recheio que sobrar, embrulhando-o num filme plástico. Se preferir, acrescente um pouco de azeite extra virgem e pimenta rosa moída e guarde na geladeira para comer com pãozinho ou torrada.

Massa básica de panquecas

Ingredientes:
1 xícara de farinha de trigo
1 xícara de leite
1 ovo inteiro
1 colher (sopa) de óleo
sal

Modo de fazer:
Bata os ingredientes no liquidificador. Coloque uma frigideira de teflon no fogo com um fio de óleo. Espalhe e espere esquentar bem. Coloque um pouco da massa e espalhe até cobrir o fundo. Quando começar a ficar firme, descole as beiradas da panqueca da panela com a ajuda de uma espátula. Deixe cozinhar. Vire a panqueca e espere ficar moreninha. Coloque num prato e faça o restante da massa. (Rende 8 panquecas)

Dica: Se quiser as panquecas bem branquinhas, coloque um pouquinho de óleo na frigideira antes de fritar cada uma; caso contrário, elas ficam meio moreninhas de um dos lados.
Use sempre uma panela com teflon perfeito, sem riscos.

Esta receita foi enviada pela Euvira Carmem Silvia, que também é a rainha das batidas publicadas neste blog.

sábado, 6 de novembro de 2010

Apetrechos fundamentais da Euvira - mezza luna

Cortar salsinha nunca mais foi a mesma coisa depois que comecei a usar uma mezza luna. Lembro que vi uma dessas, pela primeira vez, quando ainda era criança e fui a uma UD (Feira de Utilidades Domésticas) lá no Anhembi com uma amiga e a avó dela. Naquele tempo tudo isso era caríssimo, e nem passava pela minha cabeça que um dia teria uma dessas na minha cozinha (hoje custa cerca de R$90,00 uma muito boa). Aliás, ir à UD era uma festa, pois lá havia tantas traquitanas que eu, ainda pequena, ficava horas e horas andando completamente enfeitiçada pelos stands.
A princípio você pensa que não será diferente de uma faca comum, mas quando realmente precisa dela, percebe a "mágica"! Além de possibilitar um corte bem mais rápido, faz com que o tempero fique bem miudinho, e a diferença é bárbara.
Uso a mezza luna em várias situações: para picar salsa e cebolinha, picotar algo que já está cortado e ficou grande (cebola, alho poró...), ou triturar uma verdura que foi refogada pra usar como recheio. Com espinafre, por exemplo, se for misturá-lo a uma ricota, é perfeito.

Este post vai para os saudosos da UD, evento gigantesco de design que fazia um super sucesso nos idos dos anos 70, 80 (por que será que acabou?), pois nos apresentava esses objetos fantásticos de design que só víamos nos desenhos dos Jetsons. Eram caríssimos, e quando a feira acabava, você não os encontrava em nenhum outro lugar pra comprar. Depois as lojas de design - e os chineses! - chegaram e popularizaram esses artigos antes inexistentes aqui nos trópicos.

Carne de panela

Ingredientes do tempero:
1 peça de lagarto
2 cebolas grandes
4 dentes de alho
1 maço de cheiro verde
2 folhas de louro
2 cubos de caldo de carne
1 garrafa de cerveja branca
sal a gosto

Para o cozimento:
farinha de trigo para selar a carne
1 xícara (chá) de óleo
1 garrafa de cerveja preta
caldo do tempero

Modo de Preparo:
Coloque no liquidificador as cebolas, os dentes de alho, o cheiro verde, as folhas de louro, o caldo de carne, a cerveja e o sal. Bata e coloque sobre a carne. Deixe marinar de um dia para o outro.
No dia seguinte, retire a carne do tempero e passe na farinha de trigo. Na panela de pressão com o óleo, deixe esquentar, coloque a carne selada na farinha e deixe dourar. Junte o caldo do tempero, a cerveja preta e deixe na pressão por 1 hora mais ou menos.

Doce Sírio

Ingredientes:
1 pacote de macarrão cabelo de anjo quebrado bem miudinho
200 gramas de manteiga sem sal

Recheio:
1 ricota
1 lata de leite condensado
1/2 xícara (chá de nozes picadas

Calda:
1 1/2 xícara (chá) de açúcar
1 xícara (chá) de água
gotas de limão à gosto

Preparo:

Derreta a manteiga até dourar, junte o macarrão quebrado, mexendo sem parar até dourar,reserve.
Prepare o recheio amassando a ricota e misture com o leite condensado e as nozes, reserve.
Calda: leve ao fogo, o açúcar, a água e as gotas de limão e deixer ferver até obter uma calda rala.
Em um pirex retangular, coloque metade do macarrão, espalhe o recheio, termine com o restante do macarrão, espalhando bem.
Despeje a calda ainda quente sobre o doce e leve ao microondass por 4 minutos. Sirva frio.

Assado de carne e milho

Prático e muito saboroso, esse prato faz sucesso com as crianças. Pode ser, inclusive, um belo lanche de domingo


Ingredientes

Para o refogado
500g de carne moída (patinho ou similar)
3 dentes de alho picado
1 cebola grande picada
1 pimentão verde ou vermelho picado
2 tomates maduros picados
1 colher (sopa) de óleo
cheiro-verde a gosto, picado
sal e pimenta-do-reino a gosto.

Para o creme
2 latas de milho verde escorrido
1 xícara (chá) de leite
1 lata de creme de leite
2 ovos
100g de queijo parmesão ralado
sal e pimenta-do-reino a gosto


Modo de Preparar

Numa panela, aqueça o óleo e refogue bem a carne (por uns 5 minutos ou até secar).
Acrescente o alho, a cebola e o pimentão e frite bem, até dourar. Adicione o tomate, o sal, a pimenta e deixe cozinhar por uns 2 minutos. Misture o cheiro-verde e despeje em um refratário. Reserve.
No liquidificador, bata o milho, o leite, o creme de leite, os ovos e a metade do queijo. Acrescente o sal e a pimenta e bate novamente. Despeje esse creme sobre a carne refogada e polvilhe com o restante do queijo.
Leve ao forno médio, preaquecido, por 30 minutos ou até que doure. Sirva em seguida, com arroz branco e uma salada (para cerca de 5 pessoas).

quarta-feira, 3 de novembro de 2010

Suco de coco

Para a Pri, que um dia me convidou pra tomar um suco e, quando eu percebi, havia me levado pra uma casa de sucos em Santo André!! Esta receita é de lá.

Ingredientes
1 coco verde (polpa e água)
leite condensado

Modo de fazer
Bata no liquidificador a polpa e a água do coco. Acrescente gelo e leite condensado até adoçar.

I-nes-que-cí-vel!!

Champanhota com guaraná

Esta também é das muito boas e fáceis de fazer. Adapte, diminua os ingredientes proporcionalmente e à votre santé!!

Ingredientes
1 lata de pêssego em calda
1 garrafa de champanha
1 lata de guaraná

Modo de fazer
Bata o pêssego e a calda no liquidificador com muito gelo. Acrescente o champanha e o guaraná.

Para fazer a receita original, troque o guaraná por 1/2 lata de leite condensado; apesar de ser bem mais doce, também é muito saborosa.

Dicas do Ministério da Saúde: Entre a 1a e a 2a doses, tome uma taça de água gelada para manter-se sóbria. Depois da 3a dose, relaxe, pois dar bandeira será praticamente inevitável!!!

Batida de Sonho de Valsa

Para o meu grande companheiro de batidas e violões, Paulo Sant'Anna. Feliz Aniversário!!

É lógico que a receita é pra muita gente, afinal vai uma garrafa de vodca... Estas batidas são do tempo em que eu recebia muitos amigos em casa e cantávamos, comíamos e bebericávamos até de manhã. Basta calcular as proporções necessárias e Na zdorovie!!

Ingredientes
1 garrafa de vodca
8 bombons Sonho de Valsa
1 lata de leite condensado
1 lata de guaraná

Modo de fazer
Bata todos os ingredientes no liquidificador com muito gelo.

Dicas do Ministério da Saúde: Ao beber, nunca ouça Maísa, Ana Carolina, Lupicínio...

terça-feira, 2 de novembro de 2010

Gelado de Chocolate da Marina

Esta sobremesa tem feito muito sucesso!!!

Fácil de fazer, rápida e deliciosa!!!


Ingredientes

1 lata de leite condensado

1 lata de creme de leite

1 lata (medida) de leite

2 gemas

3 colheres (sopa) de amido de milho

3 colheres (sopa) de chocolate em pó

2 barras de chocolate ao leite de aproximadamente 200gr cada


Modo de fazer


Colocar na panela o leite condensado, o leite, as gemas, o amido e o chocolate em pó.

Levar ao fogo médio e mexer constantemente, até ficar com a consistência de um mingau firme.

Picar uma das barras de chocolate e adicionar ao creme; em seguida colocar o creme de leite, misturar bem e levar à geladeira por 2 horas.

Após ficar bem gelado, misturar a outra barra de chocolate picada.

Se colocar no freezer, ficará com a consistência de sorvete!!!


Delicia!!!!!

segunda-feira, 1 de novembro de 2010

Penne com funghi seco

Ingredientes

500 g de penne tricolor (ou de uma só cor)
100 g de funghi seco
1 lata de creme de leite
½ cebola pequena
1 pitada de sal
100g de queijo ralado
4 colheres (sopa) de azeite

Modo de fazer

Deixe o funghi de molho em água morna, por 10 minutos, para hidratar. Reserve essa água.
Enquanto isso, cozinhe o penne (conforme instruções da embalagem), em água já salgada a gosto.
Pique a cebola e refogue no azeite. Assim que dourar, acrescente o funghi e refogue por cerca de 2 minutos.
Acrescente a esse molhinho 1 xícara da água do funghi reservada, mexendo sempre, até engrossar. Junte o queijo ralado e 1 pitada de sal. Mexa.
Junte o macarrão já cozido e o creme de leite, dê uma pequena mexida e apague logo o fogo. Sirva em seguida.
Porção = 4 pessoas.

abobrinhas à provençal

Esses acompanhamentos às vezes tão esquecidos ... Este é rápido, prático, bonito e saboroso.

Ingredientes

4 abobrinhas verdes
4 abobrinhas amarelas
150g de queijo mussarela em um só pedaço
12 tomates-cereja
8 colheres (sopa) azeite
2 dentes de alho picados
2 colheres (chá) de orégano
Sal e pimenta-do-reino a gosto


Modo de fazer

Cozinhe as abobrinhas no vapor, por cerca de 4 minutos. Corte-as em fatias diagonais (não retas) e arrume-as em fileiras, em forma refratária, alternando a cor, com uma fileira verde, outra amarela e assim por diante. Ligue o forno, para preaquecer.
Corte a mussarela e o tomate em fatias (procure obter a mesma espessura e diâmetro (no caso da mussarela) das fatias da abobrinha). Distribua ora uma fatia de tomate, ora uma de mussarela entre as fatias de abobrinha, alternando-os.
Misture os demais ingredientes em uma tigela e regue as abobrinhas com esse tempero.
Leve ao forno (médio), por 3 a 4 minutos ou até o queijo derreter.


Modo de servir

Sirva como acompanhamento para carnes, aves ou peixes. Ou apenas com arroz branco.

Dica
Pode-se usar também apenas um dos tipos de abobrinha. Elas têm o mesmo sabor; a escolha pelo conjunto de verdes e amarelas é apenas para dar maior colorido ao prato.

sábado, 30 de outubro de 2010

Rocambole de carne moída

Ingredientes

500 gr. de carne moída
1 maço de espinafre
1/2 pacote de bacon fatiado
2 ovos cozidos
1/2 pacote de creme de cebola
cebola, alho, salsinha, cebolinha, pimenta do reino

Modo de fazer

Tempere a carne moída com o creme de cebola, a cebola picadinha e os demais temperos, se for necessário corrija o sal. Cozinhe o espinafre, escorra bem, pique e refogue com o alho. Doure uma, de 5 a 6 fatias de bacon. Abra a carne sobre uma folha de filme usado na cozinha (tipo magipack), formando um retângulo de mais ou menos 30cm de comprimento por 15cm de largura. Coloque o espinafre sobre a carne tendo o cuidado de deixar uma distância das beiradas. Cubra com o bacon dourado e coloque os ovos, que podem ser inteiros ou fatiados. Enrole a carne, usando o filme para ajudar; feche bem as extremidades e ponha em um refratário com a emenda central para baixo. Cubra com as demais fatias de bacon e cubra a forma com papel alumínio, levando ao forno (em forno médio) por mais ou menos 45 minutos. Tire o papel alumínio e, se achar necessário, deixe dourar um pouco.

Caso prefira, troque o recheio por rúcula fresca, tomate seco e mussarela de búfala, ou presunto e queijo com o mesmo espinafre, ou aquilo que a sua imaginação quiser, mas o bacon por cima acho indispensável!! Sirva com batatas cozidas e fritas ou purê de batata ou de mandioquinha.

quarta-feira, 27 de outubro de 2010

Sopas light

Estas sopas têm pouquíssimas calorias e são super gostosas!

Sopa de abobrinha

Ingredientes
1/2 quilo de abobrinha
1 cebola
1 xícara de caldo de legumes sem gordura
1 xícara de leite

Modo de fazer
Cozinhe por 20 minutos todos os ingredientes menos o leite.
Bata tudo no liquidificador depois de cozido.
Adicione o leite e bata bem.
Está pronta!
Sirva com torradas ou croutons!

A abobrinha pode ser substituída por cogumelos ou aspargos!

Sopa creme de tomate

Ingredientes

1/2 xícara de suco de tomate
1 tomate cortado
2 colheres (de sopa) de leite em pó desnatado
1/2 xícara de leite desnatado (líquido)

Modo de fazer

Bata no liquidificador o tomate e o suco por 5 minutos.
Junte o leite em pó e bata por mais 3 minutos.
Coloque na panela, acrescente o leite e aqueça.
Sirva em seguida!

Bom apetite!!!

Rocambole de batatas - 2

Esta é a versão original, um pouco menos light e mais trabalhosa.

Ingredientes:
1 kg de batatas cozidas e espremidas
8 colheres de farinha de trigo
4 colheres de sopa de margarina
2 ovos
2 copos de leite
1 pacote de queijo ralado

Modo de fazer:
Bata as claras em neve. Adicione as gemas e, aos poucos, os demais ingredientes. Junte essa mistura às batatas espremidas e leve ao forno em assadeira untada. Asse em forno médio preaquecido. Depois vire a massa, ainda quente, sobre um pano de prato umedecido.
Recheie com carne moída refogada e bem temperada, ou frango desfiado.
Enrole e coloque numa travessa. Regue com molho de tomate e queijo parmesão e volte ao forno para gratinar.
Inesquecível...

Rocambole de batatas - 1

Esta é a versão light, com menos ovos e recheio quase inocente.

Ingredientes:
1 kg de batatas cozidas e espremidas
2 ovos
3/4 de xícara de farinha de trigo
2 pés de escarola
1 cebola grande
catupiry
sal
1 gema extra para pincelar
queijo ralado para gratinar

Modo de fazer:
Misture bem as batatas espremidas, os ovos e a farinha. Adicione sal a gosto e abra a massa sobre um filme plástico. Reserve.
Refogue a cebola, acrescente a escarola (cortada bem fininha) e, por fim, o catupiry.
Espalhe a mistura sobre a massa e enrole. Pincele com uma gema e polvilhe com queijo ralado. Leve ao forno para gratinar.

terça-feira, 26 de outubro de 2010

Sorvete

1 lata de leite condensado
1 lata de creme de leite (ou 1 caixinha)
1 caixa de gelatina (sabor que mais gostar)

Fazer a gelatina normal. Colocar os três ingredientes no liquidificador e bater.
Levar ao freezer por mais ou menos 2 horas. Depois colocar na batedeira e bater bem.

domingo, 24 de outubro de 2010

Abacaxuva

Esta batidinha é uma delícia. Não me lembro mais quem me ensinou a fazê-la, mas imagino que também tenha sido minha comadre Carmencita, nos bons idos dos anos 90, em que fazíamos festas de arrasar quarteirão com a turma do trabalho e ótimos amigos violeiros. Tempo em que comprávamos cerveja em garrafas de 700 ml, e tínhamos de guardar o "engradado" com os "cascos" embaixo da pia depois da festa. Tempo em que ficávamos horas na cozinha fazendo panquecas, tempo de grandes amigos, de música e poesia na madrugada.

Ingredientes
1 lata de leite condensado
2 latas de suco de abacaxi
2 latas de suco de uva
1 lata de vodca

Modo de fazer
Bata todos os ingredientes no liquidificador com muito gelo. Repita a receita [hic] quantas [hic] vezes for [hic] necessário.


Dicas do Ministério da Saúde:
(Afinal este é um blog de respeito!) "Beba com moderação" - uma taça por vez - e "Se beber, não dirija" - chame os amigos e beba na sua própria casa!

quarta-feira, 20 de outubro de 2010

Surpresa de uva (morango, abacaxi...)





Foto enviada pela Euvira Lilian Barbosa, grande amiga e leitora assídua. Ela usou morangos para aproveitar o preço da temporada e FLASHFLASHFLASH!!!
Que delícia, Lili!!!








Este é um doce delicioso que minha queridíssima amiga Renata faz como ninguém. Originalmente de uva, pode ser feito também com abacaxi, pêssego, morango etc.
O mais legal é o encontro inusitado de uma fruta no meio de todo aquele creme. Dá água na boca só de lembrar... Apesar das "etapas", é super fácil de fazer e o resultado vale a pena.

1º creme
1 lata de leite condensado
1 lata de leite
4 gemas

Leve ao fogo brando, mexendo até engrossar. Coloque num refratário e deixe esfriar.

2º creme
4 claras em neve
2 colheres de açúcar
1 tablete de chocolate meio amargo
1 lata de creme de leite

Derreta o chocolate com o creme de leite em banho-maria, junte as claras em neve e o açúcar e misture até formar uma musse.

Montagem
Espalhe as uvas (ou a fruta escolhida) sobre o primeiro creme e depois acrescente a musse. Leve à geladeira e voilà!

domingo, 17 de outubro de 2010

Muffin de espinafre

Ingredientes
1 maço de espinafre picado
2 colheres (sopa) de azeite
4 ovos
½ xícara (chá) de margarina
1 xícara (chá) de leite
2 e ½ xícaras (chá) de farinha de trigo
1 colher (sopa) de fermento em pó
100g de queijo fresco (ou prato) em cubos
Sal e pimenta-do-reino a gosto


Modo de fazer
Em uma panela, aqueça o azeite e cozinhe o espinafre em fogo baixo. Escorra e reserve.
Na batedeira, bata os ovos e a margarina, até formar um creme. Junte o leite e bata mais um pouco.
Com a batedeira desligada, adicione a farinha de trigo, o sal, a pimenta e o fermento em pó, peneirados juntos. Misture delicadamente, até a massa ficar homogênea. Acrescente o espinafre e misture delicadamente.
Encha até a metade, com a massa de espinafre, forminhas de empada, untadas e enfarinhadas. Ponha um pouco do queijo, e cubra com mais massa.
Asse em forno médio, preaquecido, por cerca de 20 minutos. Sirva quente.
Rende cerca de 12 muffins.


Dicas
1- Se quiser, pode rechear com bacon picadinho e refogado. Mas,então, cuidado ao usar o sal na massa.
2- Pode-se também fazer uma espécie de bolo, em forma com furo no meio, em vez de se usarem as forminhas de empada. Nesse caso, atenção ao tempo de forno, que deverá aumentar (espete um palito – que deverá sair seco - para perceber quando está pronto)

Aspargo com queijo ao forno

6 fatias de pão Pullman (sem casca)
salsinha (opcional)
1 lata de atum
1 lata pequena de aspargos
1 xícara de queijo minas picado
1 cebola picada

Misturar os seguintes ingredientes e reservar:
4 ovos
2 1/2 xícaras de leite frio
sal
1 colher (chá) mostarda
páprica

Colocar o pão picado no fundo de uma forma refratária, colocar em cima a salsinha, o atum, o aspargo, a cebola e o queijo.
Jogar a mistura reservada em cima e levar ao forno até que espetando um palito saia seco.
(antes de jogar a mistura enfeitar com um pedaços de pão Pullman).

Carmita de rum

É claro que nem só de comida vive a Euvira. Por isso inicio hoje a publicação de uma série de bebidinhas deliciosas que a Euvira faz de vez em quando. A de hoje, Carmita de rum, tem esse nome em homenagem à minha comadre Carmem Silvia, que me ensinou a fazer esta delícia, digna do próprio Baco, e bem parecida com a "Piña Colada" (só que tem mais charme!).
A receita é grande, dá para vários bebedores. Chame os amigos e enjoy it!


Ingredientes
1/2 garrafa de rum
1 garrafa de suco de abacaxi
1 garrafa de leite de coco
1 lata de leite condensado
1 lata de creme de leite
gelo

Modo de fazer
Bata todos os ingredientes no liquidificador com muito gelo. Dependendo do tamanho do seu liquidificador, divida os ingredientes e faça a receita em duas vezes.

Dicas do Ministério da Saúde: "Beba com moderação" - uma taça por vez - e "Se beber, não dirija" - chame os amigos e beba na sua própria casa!

sábado, 16 de outubro de 2010

PEITO DE FRANGO COM VINHO XEREZ

Ingredientes
Peito de frango - 2 filés por pessoa
Páprica
Sal
Farinha de trigo
Gordura vegetal
Margarina
Creme de leite fresco
Vinho xerez
Cogumelos

Modo de fazer
Tempere levemente com páprica (misturo um pouco das duas pápricas) e sal. Passe suavemente os filés pela farinha de trigo e frite ligeiramente em gordura vegetal bem quente. Retire da panela e deixe escorrer o excesso de gordura. Na mesma panela, coloque uma colher de margarina e doure os cogumelos. Acrescente uma xícara de creme de leite fresco e 1/4 de xícara de vinho xerez. Coloque o frango no molho e cozinhe em fogo bem baixo, sem deixar ferver, por cerca de 25 minutos. Servir com arroz branco e uma boa salada. Se fizer de véspera, fica mais gostoso!!

Dicas: Vale a pena fazer a receita direitinho, é uma delícia. Mas, para facilitar, quando não tenho muito tempo (quase sempre) coloco o frango em um pirex untado com margarina e asso no forno. E como nem sempre tenho o vinho certo em casa, uso vinho branco. E, é claro, a quantidade de ingredientes vai depender da quantidade de gente que vai comer!!

BOLO DE BANANA

Ingredientes
2 xícaras de açúcar
1 xÍcara de margarina (240g)
8 bananas maduras (2 xícaras, amassadas)
4 ovos
2 1/2 xícaras de farinha
2 colheres de chá de bicarbonato de sódio
1 colher de chá de sal
1 colher de chá de canela
1 colher de chá de noz moscada

Modo de fazer
Misture a margarina com o açúcar até formar um creme. Adicione os ovos bem batidos, os ingredientes secos, e por último as bananas, misturando suavemente.
Forre duas formas de pão com papel manteiga. Acrescente a massa. Asse em fogo moderado por cerca de 40 minutos.

quinta-feira, 14 de outubro de 2010

Torta de abobrinha da Thereza

É uma delícia esta receita ,além de ser bem leve!
Se quiser mude o recheio!


Ingredientes

1 xícara (chá) de farinha de trigo
1 e 1/2 xícara (chá) de óleo
1 e 1/2 xícara (chá) de leite desnatado
1 xícara (chá) de queijo fresco (branco)
2 ovos
1 colher (café) de sal (light)
1 colher (sobremesa) de fermento em pó
2 colheres (sopa) de queijo parmesão

Recheio

3 abobrinhas
1 cebola
Cheiro verde ou salsinha, alho e sal a gosto
2 colheres (sobremesa) de azeite

Modo de fazer

Refogue 3 abobrinhas médias cortadas em quadradinhos com cebola, um pouco de azeite, cheiro verde ou salsinha e o alho.

Sal a gosto.

No liquidificador bata os ovos com o oléo, o leite, a farinha, o queijo fresco ,o fermento e o sal.

Despeje metade da massa em uma travessa de vidro ou de refratária, coloque o recheio e cubra com o restante da massa.

Salpique queijo parmesão por cima e leve ao forno a 180 º.

Bom apetite!!

Sopa de brócolis

Estou começando, com esta receita, uma linha Light!!
A necessidade é um fato.
Algumas receitas vêm direto da endocrinologista e outras vêm direto de outras "euviras"!!

Ingredientes
1 maço de brócolis picado (600g)
1 colher (sopa) de azeite (8g)
2 colheres (sopa)de farinha de trigo (30g)
2 xícaras (chá) de caldo de legumes (400ml)
2 xícaras (chá) de leite desnatado (400ml)
sal light

Modo de Preparo

Refogue o brócolis no azeite por cerca de 5 minutos, polvilhe a farinha de trigo e adicione o caldo de legumes.
Deixe cozinhar em fogo baixo por cerca de 15 minutos.
Retire e bata com leite no liquidificador.
Volte ao fogo e aqueça até encorpar.
Sirva.
Rendimento 4 porções.
Calorias - 112 por porção

Com frio é uma boa opção!

segunda-feira, 11 de outubro de 2010

Cuca alemã

Acabando de chegar de um tour por Gramado, Canela ,Nova Petrópolis e Bento Gonçalves,no Rio Grande do Sul,saboreando a culinária alemã e italiana,vou postar a receita de cuca alemã que minha querida sogra me ensinou!

Ingredientes

3 xícaras de farinha de trigo
2 xícaras de açúcar
1 xícara de manteiga ou margarina
1 xícara de leite
3 ovos
2 colheres de chá de fermento
1/2 colher de sal
raspas de limão

Cobertura
3 colheres de manteiga ou margarina de TABLETE
1 colher de áçúcar
1 e 1/2 xícara de farinha de trigo
3 colheres de chá de açúcar de baunilha.


Modo de fazer
Bata a margarina até espumar, colocar o açúcar, os ovos, o limão, alternar o trigo e o leite, colocar o fermento, mexer devagar e coloque por último as claras em neve.
Colocar em um tabuleiro.
Cobertura
Derreta a margarina, misture o açúcar e o açúcar de baunilha, coloque a farinha de trigo aos poucos,mexendo com uma colher formando assim uma pasta. Mexer com os dedos para soltar e formando assim uma farofa.
Despejá-la em cima da massa crua na assadeira.Assar em fogo médio por 25 minutos.

Variações
Coloque bananas fatiadas por cima da massa sem a farofa e salpique canela com um pouco de açúcar.

sábado, 9 de outubro de 2010

Maçã assada

Simples e prática, mas faz um efeito! Saboreie com os olhos, o olfato e todas as papilas gustativas! Não é à toa que adões e evas por esse mundo afora... é difícil resistir mesmo!

Ingredientes
6 maçãs
½ xícara (chá) de açúcar mascavo
1 colher (chá) de canela em pó
6 paus de canela
½ xícara (chá) de mel


Modo de fazer
Corte a parte superior das maçãs como uma tampa. Reserve essas tampas. Retire o miolo, com cuidado para não furá-las, e retire as sementes.
Recoloque as tampas e arrume as maças em uma panela com água até a metade das frutas. Tampe e leve ao fogo alto. Deixe ferver por 3 minutos ou até que estejam macias a gosto.
Escorra bem. Retire as tampas e preencha as cavidades com o açúcar mascavo misturado à canela em pó. Ponha um pau de canela e tampe-as.
Arrume cada maçã sobre um pedaço de papel alumínio e pincele-as com o mel. Embrulhe sem fechar totalmente e arrume-as em um refratário.
Leve ao forno médio, preaquecido, por 20 minutos ou até que a casca das maçãs fique levemente dourada.
Tire do forno, retire o papel alumínio e sirva quente. Pode servir com uma bola de sorvete, se quiser.

sexta-feira, 8 de outubro de 2010

Doce de banana com vinho

Sabe aquela banana que vai ficando pra trás e a casca começa a ficar muito pintadinha, quase passando do ponto? É essa!

Ingredientes
6 bananas maduras
3/4 de xícara de açúcar
1/2 xícara de água
1 taça de vinho tinto
cravo e canela em pau
raspas de casca de limão

Modo de fazer
Pique as bananas. Acrescente o açúcar e a água. Misture e leve ao fogo.
Mexa de vez em quando, até começar a borbulhar. Junte o cravo, a canela e deixe cozinhar em fogo brando até evaporar quase toda a água.
Junte o vinho, e vá mexendo de vez em quando, até que a banana comece a "pegar" no fundo da panela.
Desligue o fogo, salpique as raspas de limão e coma quente com uma bola de sorvete de creme.

Sem palavras....

Lombo de peixe ao leite de coco

Oi, amigas, mais uma vez estou postando no dia errado. Acontece que sábado passado me mudei para Manaus e fiquei fora do ar até hoje (sexta-feira). Acredito de de agora em diante conseguirei fazer as coisas no dia certo. Estou mandando essa receita que o James criou e daqui a uns dias ele fará uma variação sobre o mesmo tema usando produtos locais.

Ingredientes
500 grs. de lombo de peixe de carne firme (surubim,dourada ou badejo)
1 alho poró cortado em fatias bem finas
1 pimentão verde pequeno
1 pimentão vermelho pequeno
8 cebolas pequenas (daquelas de fazer conserva)
1 envelope de tempero para peixe (Hondashi)
Limão, sal, molho inglês, pimenta do reino moída, salsinha, cebolinha e coentro
1 vidro grande de leite de coco

Modo de fazer
Tempere o peixe com o tempero para peixe, sal, molho inglês e a pimenta. Deixe nesse tempero por pelo menos uma hora. Use de preferência uma panela de barro ou de pedra, leve ao fogo com um dedo de azeite de oliva e coloque o peixe para dourar.
A seguir, ponha o leite de coco e deixe cozinhando em fogo bem lento, quando tiver reduzido um pouco, vá colocando os demais ingredientes por ordem de cozimento, de forma que todos fiquem macios. Pouco antes de retirar do fogo salpique com os temperos verdes.

sábado, 2 de outubro de 2010

Brócolis à pizzaiolo

1 maço de brócolis
1 cebola grande picada
5 tomates picados
4 colheres (sopa) de salsinha
azeitonas verdes picadas
sal, pimenta, orégano
azeite de oliva
mussarela fatiada
peito de peu fatiado
manjericão

Limpe os brócolis escolhendo apenas as flores. Lave-o e cozinhe em água fervente por 10 minutos. Deixe escorrer.
Tempere os tomates, as azeitonas e a salsinha com o sal, pimenta e o orégano.
Em uma frigideira, coloque os brócolis, a cebola e os tomates temperados. Regue com o azeite, tanpe e leve ao fogo baixo.
Quando os tomates estiverem cozidos, coloque o peito de peru, a mussarela e o manjericão e deixe alguns minutos para derreter.
Sirva com arroz.

Merengue de banana e queijo

Diretamente das Alterosas, faz sucesso em qualquer lugar... E a qualquer hora, já que são ingredientes sempre à mão , nas nossas casas.
Ingredientes
10 a 12 bananas nanicas
200g de queijo Minas (frescal, sem sal)
1 lata de leite condensado
4 claras
8 colheres (sopa) de açúcar


Modo de fazer
Descasque as bananas e corte-as ao meio, no sentido do comprimento. Arrume numa forma refratária untada com margarina ou manteiga. Leve ao forno moderado (cerca de 170º), até amolecerem (a seu gosto). Reserve.
Enquanto as bananas assam, amasse bem o queijo, com um garfo, e misture com o leite condensado. Reserve.
Faça um suspiro, batendo as claras em neve, com o açúcar.
Tire as bananas do forno, se já estiverem no ponto desejado, e cubra-as com o creme de queijo. Espalhe o suspiro por cima e leve ao forno novamente, para dourá-lo.


Modo de servir
Sirva quente ou frio.
Fica ótimo quente e acompanhado de um bola de sorvete de creme.
Ele é servido em taças ou pratinhos de sobremesa, às colheradas, mas se preferir desenformá-lo, o ideal é usar formas desmontáveis: é só retirar o aro, na hora de servir.


Dica
1- Se preferir, polvilhe canela nas bananas.

quinta-feira, 30 de setembro de 2010

Pão de Mel

Esta receita é ótima para fazer em formas temáticas!
Formas em formato de coelho para a Páscoa, árvore de Natal, estrelas, corações e muitas outras, ficam muito bem, além de gostoso!!!
Em função dos tamanhos das formas passarei duas receitas:


Ingredientes:

Formas pequenas

250 grs açúcar mascavo
1/2 copo de leite
2 ovos
1/2 copo de mel de boa qualidade
1 colher( café)de canela em pó
250 grs de farinha de trigo peneirada
1/2 colher(sobremesa) de fermento em pó

Formas grandes
400 grs de açúcar mascavo
3/4 de um copo de leite
3 ovos
3/4 de copo de mel
1 colher(café)bem cheia de canela
370 grs de farinha de trigo peneirada
1 colher (sobremesa)de fermento em pó

Modo de fazer:

Coloque em uma vasilha os ovos, o mel e a canela.Bata bem.
Adicione a farinha de trigo peneirada e o leite aos poucos sempre batendo,por último coloque o fermento e misture bem, mas lentamente.
Vai para o forno com 180 graus, por aproximadamente 30'.
O tempo de forno varia bastante de forno para forno.

Cobertura de chocolate
Derreter 500 grs de chocolate em barra picado,em banho maria.
Passar em um dos lados do bolo com uma espátula, deixar esfriar para passar do outro lado. Se quiser,use a imaginação e enfeite com cerejas,fios de ovos e muito mais!!

Esta receita vai em homenagem a minha cunhada Regina!
Velhos tempos de quituteira!!!



Dica de papel para forrar a forma ou assadeira!
Encontra-se no Walmart em dois tamanhos.
Não precisa untar a forma é só colocar o papel!
DOVER ASSA + LEVE
Papel anti aderente para cozinhar.

quarta-feira, 29 de setembro de 2010

Farofa de banana verde

Ingredientes
- 3 bananas verdes
- 1 tomate
- 1 cebola
- 1/2 copo de fubá precozido
- 1/2 copo de farinha de mandioca "biju"(tipo "Deusa")
- cheiro-verde
- azeite para refogar
- sal (o suficiente)

Modo de fazer
Pique a cebola e o tomate em quadradinhos pequenos. Lave bem as bananas e corte-as -- com casca -- em rodelas finas.
Aqueça o azeite e refogue a banana, a cebola e o tomate, até que a casca da banana esteja bem macia. Acrescente o sal e -- aos poucos e em quantidades iguais -- a farinha biju e o fubá.
Se necessário (vai depender do tamanho da banana) acrescente mais farinha e fubá. Desligue o fogo e, por fim, regue com um filete generoso de um bom azeite e acrescente o cheiro verde.
Sirva quente, como acompanhamento. Você também pode usá-la para rechear um frango assado, é uma delícia.

segunda-feira, 27 de setembro de 2010

Salmão ao molho de maracujá

Oi, amigas, primeiro eu queria me desculpar por não ter postado uma receita na semana passada, mas, como vcs sabem, estou acampada em minha casa e por isso estou sem internet. Assim, hoje colocarei uma refrescante e deliciosa receita para os dias quentes que se aproximam.

Salmão ao molho de maracujá

Ingredientes:
1 filé de salmão sem pele
1 lata de cerveja
1 dente de alho grande
1 colher de sopa de manteiga
2 colheres de sopa bem cheias de maionese
1 maracujá grande
Sal a gosto
Legumes variados cozidos: cenoura, couve-flor, batata, brócolis e outros de sua escolha

Modo de fazer:
Amasse o alho com sal e esfregue no salmão, unte um refratário com manteiga, coloque o salmão e cubra com a cerveja. Deixe descansando de um dia para o outro ou por pelo menos 6 horas. Escorra a cerveja, regue o peixe com azeite e coloque para assar coberto com papel alumínio.
À parte, coloque a polpa do maracujá no liquidificador com maionese, sal e pimenta do reino. Deve ficar um molho consistente; caso isso não aconteça, acrescente mais maionese. Quando o peixe estiver dourado, coloque-o em uma travessa, disponha os legumes ao redor e cubra com o molho.

domingo, 26 de setembro de 2010

Sardinha em conserva

Dá uma estranheza na primeira vez ("olha lá, não vai me estragar as sardinhas?"). Mas podem ir em frente, sem medo. Divertida e generosamente "passada" pra mim por um peixeiro de quem sou cliente, essa é a minha receita de hoje pra vocês.

Ingredientes

1/2 kg de sardinhas limpas.
2 ou 3 cebolas em rodelas.
1 pimentão grande vermelho ou amarelo.
2 ou 3 tomates maduros e firmes.
1/2 copo americano de azeite.
1/2 copo americano de vinagre de vinho branco.
pimenta-do-reino em pó ou semente (opcional)
cheiro-verde picado
sal

Modo de fazer
Limpe bem as sardinhas, lave e feche-as novamente, com delicadeza, para que mantenham a forma do peixe inteiro. Reserve.
Em uma panela de pressão, faça uma camada de cebolas em rodelas; por cima, uma camada de pimentão em rodelas ou tiras largas e, por cima, uma de tomates em rodelas.
Disponha as sardinhas delicadamente, em fileira e com a barriga para baixo, bem unidas mas sem apertar demais. Essa fileira deve preencher a panela de ponta a ponta, para que as sardinhas possam ficar ajustadas, mantendo a forma.
Por cima, faça mais uma camada de cebolas, pimentão e tomates. E assim sucessivamente, terminando sempre com os tomates. Salpique o cheiro-verde a gosto, uma leve pitada de sal e a pimenta.
Despeje por cima o azeite e o vinagre.

Feche a panela e cozinhe por 40 minutos, após chiar. NÃO DESTAMPE A PANELA, após esse cozimento. Deixe fechada por 12h (pode deixar fora da geladeira). Após isso, abra e retire com cuidado, para não desmanchar as sardinhas. Depois de prontas, guarde em geladeira.

Modo de servir

Sirva como entrada, como aperitivo ou como recheio de maravilhosos sanduíches com pão italiano. Ou, como produto de assalto à geladeira, a qualquer hora.


Dicas
1- prefiro cebolas e tomates em rodelas mais grossas, para não desmancharem, mas...
2- os pimentões em retângulos ou quadrados (no lugar de rodelas), ficam mais apresentáveis, na hora de servir.
3- de modo geral, 1/2 kg de sardinhas não chegam a formar uma segunda camada do peixe.
4- Eu tiro também a espinha, ao limpar, o que pode “desmontar” um pouco a forma. É só ajeitar bem, depois. A receita não pede que se tire a espinha.
5- Na hora de transferir para travessa ou pirex, use uma espátula firme ou escumadeira, pegando desde as camadas de baixo, com cuidado, uma fileira de sardinhas com a cebola etc. Outra opção é usar um pegador e ir retirando sardinha por sardinha e, por fim, a cebola etc.

quinta-feira, 23 de setembro de 2010

Pão de queijo da Dona Leonia

Esta semana estive em Tiradentes-MG com meus alunos e, como não podia deixar de ser, comi muito pão de queijo - uns bons e outros nem tanto. Esta receita, no entanto, não vem de Minas, mas do cerrado. Aprendi com a Dona Leonia, uma senhora que, além de ser dona de uma excelente prosa, faz um "arroz/feijão" delicioso, planta mandioca e produz sua própria farinha na Chapada dos Veadeiros-GO. Veio de lá o polvilho doce que usei pra fazer este pão pela primeira vez.

Ingredientes
2 l de polvilho doce (meça na caixa/garrafa de leite)
1 l de leite fervido
1,5 l de queijo fresco ralado
1 colher (sopa) de margarina
1 copo de óleo
8 ou 9 ovos (até dar o ponto)

Modo de fazer
Despeje o leite fervendo no polvilho para escaldar. Mexa delicadamente, até igualar a massa. Espere esfriar um pouco e acrescente os outros ingredientes. Misture.
Coloque, por fim, os ovos (um a um) e mexa até dar o ponto (maleável e uniforme, sem grudar nas mãos).
Faça bolinhas e arrume-as numa forma, deixando algum espaço entre elas para crescer. Leve ao forno preaquecido por cerca de 20 minutos, ou até dourar.

Coma saboreando um bom café.

Nem preciso dizer que esta receita dá muuuuitos pães de queijo. Sugiro dividi-la pela metade. Você também pode congelar os pãezinhos para assá-los depois.

Bolo Zebrinha



Este bolo é ótimo como sobremesa e é sucesso garantido com as crianças!!!

Ingredientes
1 pacote de biscoito maisena
1 lata de nescau de 400 grs
1 lata de creme de leite
3 ovos
3 colheres de manteiga

Modo de fazer
Colocar o chocolate na panela juntamente com a manteiga, em fogo baixo.
Tirar do fogo, deixar esfriar por uns dois minutos e colocar os ovos, um a um, mexendo bem.
Adicionar o creme de leite sem soro e, novamente, mexer bem.
Colocar na geladeira.

Montagem
Forrar um "pirex" alto e estreito com papel alumínio e fazer camadas, começando com o chocolate, depois as bolachas, o chocolate e assim por diante até que as bolachas acabem.
Fechar o papel alumínio e colocar na geladeira.

-- Retire da geladeira uns minutos antes de servir e desenforme.

É uma delícia!!
Se quiser pique nozes, misture ao chocolate e sirva com pequenas porções de chantilly.

terça-feira, 21 de setembro de 2010

Bolo de Maçã


Ingredientes
2 xícaras de farinha de trigo
2 xícaras de açúcar
1 colher de sopa de fermento em pó
3/4 xícara de óleo
4 ovos
3 maçãs (4 se for das pequenas)
canela em pó

Modo de fazer
Peneirar a farinha com o fermento. Bater no liquidificador os ovos, as cascas das maçãs, o açúcar e o óleo e acrescentar aos poucos à farinha, misturando bem. Juntar à massa as maçãs picadas e polvilhadas com canela.
Colocar numa forma untada com manteiga e polvilhada com farinha de trigo. Polvilhar canela por cima da massa e lavar ao forno.

domingo, 19 de setembro de 2010

Bolo de Iogurte

Bater no liquidificador 4 ovos, 1 iogurte e a mesma medida de óleo.
Misturar 2 xícaras de açúcar, 2 xícaras de farinha e 1 colher (sopa) de fermento.
Untar uma forma de buraco com manteiga e polvilhar com uma mistura de açúcar e canela.

sábado, 18 de setembro de 2010

Olho-de-sogra em taças

Docinhos de festa - brigadeiro, olho-de-sogra, bem-casados ... - têm um irresistível apelo, desde os tempos das cavernas. E, aí, são inevitáveis as tentativas de transportá-los pra outras situações, como uma sobremesa, por exemplo (acho que é porque, assim, um pouco de festa vem sempre junto...)


Ingredientes
500g de ameixa seca, sem caroço
2 latas de leite condensado
200g de coco ralado
2 colheres (sopa) de margarina sem sal
2 gemas


Modo de fazer
Corte as ameixas ao meio, sem chegar a separar as partes. Deixe-as por 10 minutos em água morna, para ficarem mais macias e bem úmidas. Escorra-as, espremendo ligeiramente, e reserve.
Em uma panela misture os outros ingredientes e leve ao fogo médio, mexendo até cozinhar e soltar do fundo da panela, mas ainda conservando a umidade e a cremosidade (a seu gosto).


Modo de servir
Em taças individuais, coloque 1 ou 2 colheres rasas do creme, ponha 2 (ou mais, a seu gosto) ameixas e cubra novamente com o creme. Se quiser, decore com tiras finas de ameixa.
Pode-se servir também em taças grandes, aquelas para compotas e doces, ou em refratários, forrando com o creme em uma camada fina, espalhando as ameixas por toda a superfície e cobrindo com o restante do creme.


Dica 1: Se quiser, polvilhe com açúcar cristal (eu, particularmente, não gosto).
Dica 2: Se preferir o creme mais úmido, acrescente aos ingredientes 1/2 vidrinho (cerca de 100ml) de leite de coco (eu, particularmente, gosto).
Dica 3: Para sofisticar o sabor, deixe as ameixas de molho em vinho do Porto e, na hora de montar as taças, despeje por cima um pouco desse vinho utilizado (eu, particularmente, gosto).

quarta-feira, 15 de setembro de 2010

Risoto Milanês

Este risoto faz parte da familia!
Importado da Itália por meu pai!

Ingredientes
500g de arroz tipo arborio (senão tiver pode usar um bom arroz)
3 colheres de manteiga ou margarina
1 cebola grande bem picadinha
1/2 litro de caldo de carne
1 envelope de zaferano espanhol ou italiano (Açafrão)
1 envelope de queijo parmesão

Modo de fazer
Doure a cebola picadinha na manteiga derretida, cuidado para ela não passar do ponto, ela deve ficar dourada.
Despeje o arroz e mexa com uma colher de pau, para que ela se misture bem com a manteiga. Coloque aos poucos o caldo de carne e vá mexendo o tempo todo até acabar o caldo( se precisar, faça mais caldo). Quando o "arborio" estiver quase cozido, "ao dente", coloque o "zaferano" e mexa bem. Coloque meio pacote de parmesão ralado e mexa bem!

Sirva quente e coloque o restante do queijo por cima.

Esse prato pode ser servido como prato principal e para acompanhar faça pequenos filés (mignon) passando-os na farinha de trigo e depois fritando-os na manteiga misturada com um pouco de margarina.

Coloque em uma travessa grande o risoto no meio e em volta os filezinhos.
HUMMMMM que delícia!!!!!!!!
Bom apetite!

Macaxeira com camarão ao molho de coco

Como prometido, deixo aqui a receita de um prato delicioso que acabei de provar lá em Olinda, PE. Para aqueles que - como esta Euvira aqui - têm o conforto de uma panela Wok, esta é a hora!!! Mas não se avexe: pode fazer numa panela normal que também dá certo!

Ingredientes do camarão
500 gr de camarão fresco e limpo
2 garrafinhas de leite de coco
1 pimenta dedo de moça
1 ou 2 cebolas picadinhas, alho, sal e... coentro, é claro!
manteiga para refogar

Ingredientes do purê
1 quilo de macaxeira, também chamada mandioca.
leite de vaca
manteiga
sal

Modo de fazer
Cozinhe a macaxeira. Amasse no espremedor de batatas e reserve.

Na sua panela Wok, refogue a cebola e o alho na manteiga. Acrescente o leite de coco e deixe ferver. Junte o camarão, a pimenta dedo de moça e deixe cozinhar por 10 minutos.
Enquanto isso, faça um purê de macaxeira (do mesmo modo que faz o purê de batatas), acrescentando a manteiga e o leite. Leve ao fogo e mexa.

Quando o camarão estiver quase pronto, acrescente o coentro e abafe.

Montagem
Numa forma refratária, arme o purê pelas bordas, deixando um buraco no meio, onde colocará o camarão. Por cima de tudo, espalhe queijo mussarela ralado e leve ao forno por apenas 3 minutos para não endurecer o camarão.

Você pode substituir a mussarela por parmesão, mas o que eu comi lá em Olinda era coberto com mussarela e estava uma delícia. Coloque mais pimenta, se for de gosto.

(Esta receita vai pra Joseane e pra Débora, companheiras de congresso, taxi e calorias)

terça-feira, 14 de setembro de 2010

Bolo de Natal

Ingredientes
2 x (chá) de farinha de trigo
1 1/2 x (chá) de açúcar
2 x (chá) bem cheias de nozes trituradas no liquidificador
1/2 x (chá) de castanha do Pará também trituradas no liquidificador. Faço só com castanha do
Pará (cerca de 320g). (Colocar mais ou menos 1/4 de cada vez no liquidificador para triturar)
2 colheres de sopa de margarina ou manteiga
2 colheres de sopa rasas de Nescafé (eu não coloco)
2 colheres de chá de fermento em pó
3 ovos
1/2 lata de leite condensado (150ml)
1/2 lata de água.

Modo de fazer
Amassar a margarina com o açúcar, até formar um creme. Colocar as gemas, uma de cada vez. Peneirar os ingredientes secos e misturá-los às castanhas, depois acrescentar à primeira mistura, intercalando com o leite condensado misturado com a água, no qual se dissolveu o Nescafé, se for usá-lo. Por último, acrescentar as claras em neve.
Colocar em uma forma untada e farinhada e levar ao forno moderado (200ºC) por cerca de 40 minutos.

Canelone de ricota com molho de alho poró

Ingredientes
1/2 pacote de massa fresca pronta para canelone
500 gramas de ricota fresca
150 a 200 gramas de nozes moídas
2 colheres de requeijão
1/2 copo de vinho branco seco
2 unidades médias de alho poró
120 gramas de manteiga
500 ml de creme de leite fresco
sal, pimenta do reino, molho inglês, noz moscada e queijo parmesão ralado

Modo de fazer
Em uma tigela, desmanche bem a ricota amassando com um garfo, misture as nozes e o requeijão. Tempere, de acordo com seu paladar, com os temperos indicados acima. Corte a massa ao meio e vá recheando com a ricota, dá mais ou menos 16 peças recheadas. Para fechar bem o caneloni passe um pouco de água em uma das partes da massa antes de fechá-la.
Em uma panela derreta a manteiga e refogue o alho poró cortado bem fininho. Quando estiver macio, junte o vinho e um pouco depois o creme de leite. Tempere com sal e diminua o fogo para que o molho reduza e engrosse. Assim que estiver com uma consistência cremosa, jogue sobre os canelones arrumados em um refratário, polvilhe com o parmesão e leve ao forno.
As nozes podem ser substituídas por qualquer outro tipo de castanha.